Contos Sonoros #13 – A Dona Aranha

Lembram dos Contos Sonoros do Meia Lua pra Frente e Soco? Pois bem, depois vários outros audiocontos ótimos, fiz mais uma aparição por lá! Você pode ouvir em vários formatos de graça! É só clicar aqui e encontrará todos lá no site. Se preferir, ainda pode fazer o download por aqui. Ou ouça em nova janela clicando aqui. Neste … Continue lendo

Avalie isto:

A estrada [Um Ano de Medo]

A estrada estava silenciosa e escura. A única luz que a iluminava, com exceção da lua, era dos faróis solitários do único carro que ousava cruzá-la em alta velocidade. O único carro, em anos, que se atreveu a fazê-lo. O horizonte era um ponto escuro e longínquo. Não havia nenhum farol à frente, nem mesmo … Continue lendo

Avalie isto:

Já à venda: Horror em Gotas

Feliz Dia das Bruxas, pessoal! E para comemorar o dia, que tal um livro de terror? Já está à venda Horror em Gotas, meu novo livro independente, lá na Amazon. O livro tem 30 contos de terror, 29 deles já publicados no projeto Um Ano de Medo e um totalmente inédito. No entanto,  todos os contos foram revisados … Continue lendo

Avalie isto:

Sufocando [Um Ano de Medo]

Ele me olhava. O tempo inteiro. Durante as aulas, no intervalo, quando estávamos praticando pênaltis na aula de Educação Física e – o que mais me arrepiava – na hora da saída também. Ele não era um cara feio como são os maníacos que a gente vê nos filmes. Muito pelo contrário, ele era bem … Continue lendo

Avalie isto:

Lançamento: Horror em Gotas

“Vou lhe contar uma história, mas você tem que prometer não contar a ninguém. Queime esses papéis.” Horror em Gotas reúne 30 contos de terror, uma gota por dia, um pesadelo por noite, para que você sinta o horror desses personagens na própria pele. Tranque as portas. Apague as luzes. Não olhe para trás. O … Continue lendo

Avalie isto:

Frequência Infernal [Um Ano de Medo]

Eu estava entediado aquele dia. Munido de um pacote de Doritos e muita Coca-Cola, apaguei as luzes do meu quarto e naveguei na internet. Estava sozinho em casa: meus pais saíram para algum jantar idiota com gente chata. Não quis ir, obviamente. Era humilhação demais sair para jantar com os pais e um monte de … Continue lendo

Avalie isto:

Contos Sonoros #1 – Game Over

E aí, gente? Tudo certinho? Vim aqui para divulgar algo muito bacana para vocês. O portal Meia Lua pra Frente e Soco começou um projeto pioneiro e muito interessante: são os Contos Sonoros, que são nada menos que audiocontos. Você adora ler, mas tá sem tempo? Vai de carro para a escola/trabalho, não consegue ler em movimento, … Continue lendo

Avalie isto:

Experimental [Um Ano de Medo]

A sala não tinha teto. Ele era o infinito negro acima de mim. Lá, bem no alto, havia algo. Alguma coisa indefinida. Mas eu não conseguia enxergar. Infinitos também eram os espelhos. Havia milhares deles ao meu redor. Um sobre o outro. Redondos, grandes, pequenos, quadrados. Havia aqueles que aumentavam meu rosto, aqueles que o … Continue lendo

Avalie isto:

Doze [Um Ano de Medo]

Doze riscos no calendário. Doze gotas no copo d´água. Doze lágrimas. Doze minutos para a meia-noite. Doze. Doze. Doze. Ela contava tudo. Os dias. Os meses. Os segundos. Até mesmo sua respiração era realizada num intervalos de doze inspirações e expirações. Todo dia, ao meio-dia, ela fazia doze polichinelos. Nenhuma semana seria boa se ela … Continue lendo

Avalie isto:

No final do túnel [Um Ano de Medo]

Tudo o que eu via era um túnel negro, escuro e brilhante. Não havia luz no final do túnel. Havia sim uma escuridão infinita que significava morte e medo. Um medo paralisante que me impedia de falar e gesticular, e eu tinha tanto, tanto a dizer… O túnel era um cano longo, preto e liso … Continue lendo

Avalie isto: